#Cultura: shows de minas incríveis em março

Olá meninas tudo bem?

O terceiro mês do ano chega chegando com uma data muito especial: o famoso 8 de março, conhecido também como Dia da Mulher. É mês de enaltecer e por em prática aquilo que deve ser feito o ano todo, ou seja, respeitar as mina na rua, em casa, na balada, no trabalho, na música, em todos os lugares.

Sugiro a todos e todas que aproveitem este momento iluminado pelas deusas para prestigiar várias mulheronas poderosas que tomam conta de diversos palcos em São Paulo – e, de quebra, reconhecer que lugar de mina é na música, sim, e onde mais ela quiser.

Tem Tássia Reis, tem Elza Soares, tem Karina Buhr, Cátia de França e MC Carol também, que é pra levar o boy e ensinar como se lava decentemente uma calcinha. Qui mulherão da porra! Bora?

Dê uma sacada nos shows das minas que você precisa ver em março:

  • La Dame Blanche (Cuba)
    Quando: 2 de março, às 21h30
    Onde: Sesc Pompeia – Rua Clelia, 93
    Entrada: R$ 12 comerciários; R$ 20 meia-entrada; R$ 40 inteira

A cubana Yaite Ramos, também conhecida como La Dame Blanche, apresenta uma mistura explosiva de hip hop, cumbia, dancehall e reggae. Cantora, flautista e percussionista, foi introduzida no mundo da música por seu pai, Jesus “Aguaje” Ramos, trombonista que é o diretor artístico da Buena Vista Social Club.

—–

A compositora, cantora e percussionista Alessandra Leão sobe ao palco do Auditório Ibirapuera com o show Língua, que traz no repertório músicas da trilogia homônima formada pelos EPs Pedra de Sal (2014), Aço (2015) e Língua (2015). A apresentação conta com a participação especial de Tulipa Ruiz.

—–

  • Inna Modja (Mali)
    Quando: 3 de março, às 21h
    Onde: Sesc Pinheiros – Rua Paes Leme, 195
    Entrada: R$ 12 comerciários; R$ 20 meia-entrada; R$ 40 inteira

Inna Modja, compositora e artista visual do Mali, apresenta repertório do álbum “Motel Bamako”, que mistura desert blues e hip hop. A cantora cresceu entre Accra e Bamako, onde nasceu. Depois de aprender seu ofício com artistas como Salif Keita e Rail Band, de Bamako, ela se mudou para a Europa.

—–

  • Tássia Reis
    Quando: 4 de março, às 21h
    Onde: Auditório Ibirapuera – portão 2 do Parque Ibirapuera
    Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Tássia Reis e banda sobem ao palco do Auditório Ibirapuera para apresentar o show do disco “Outra Esfera” (2016)o segundo de sua carreira. No repertório, além das composições do mais recente trabalho, como “Se Avexe Não”, “Semana Vem” e “Ouça-Me”, a artista interpreta algumas faixas do EP “Tassia Reis” (2014).

—–

  • Karina Buhr
    Quando: 4 de março, às 21h; 5 de março, às 18h
    Onde: Sesc Bom Retiro – Alameda Nothmann, 185
    Entrada: R$ 9 comerciários; R$ 15 meia-entrada; R$ 30 inteira

A cantora, compositora, percussionista e atriz pernambucana apresenta repertório de seu mais recente disco, “Selvática”. O trabalho autoral surgiu a partir da ideia dos animais selváticos, presente em textos sagrados e a maneira como são descritas as mulheres nesses textos, selváticas, com inspirações em guerreiras do Daomé, do Brasil, de todo canto e todo tempo.

—–

  • Leci Brandão
    Quando: 5 de março, às 19h
    Onde: Auditório Ibirapuera – portão 2 do Parque Ibirapuera
    Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Acompanhada por uma banda, a cantora, compositora e intérprete Leci Brandão sobe ao palco do Auditório Ibirapuera para apresentar o show do disco “Simples Assim” (2016), o mais recente de sua carreira. No repertório do espetáculo, novas canções como “Nasci pra Te Amar”, regravações de sucesso desses mais de 40 anos de trajetória artística, a exemplo de “Essa Tal Criatura”, “Sabor Açaí” e “Bate Tambor”, além de composições que mostram a diversidade do trabalho da artista.

—–

  • Mahmundi
    Quando: 10 de março, às 21h
    Onde: Sesc Belenzinho – Rua Padre Adelino, 1.000
    Entrada: R$ 6 comerciários; R$ 10 meia-entrada; R$ 20 inteira

Mahmundi flerta com a música eletrônica, indie, lo-fi e a poesia reflexiva brasileira, além de influências da música oitentista. Em 2014, Mahmundi foi vencedora do Prêmio Multishow de Música Brasileira na categoria Nova Canção e figurou nas listas de “melhores discos do ano” com o disco homônimo, lançado em 2016.

—–

  • Mart’nália
    Quando: 10 e 11 de março, às 21h30
    Onde: Sesc Pompeia – Rua Clelia, 93
    Entrada: R$ 12 comerciários; R$ 20 meia-entrada; R$ 40 inteira

Uma das rainhas do samba, filha de Martinho da Vila, realiza show de lançamento de “+ Misturado”, seu 11º álbum. Na apresentação, Mart’nália canta para o mundo ficar ~Odara~!

—–

  • MC Carol
    Quando: 17 de março, às 21h30
    Onde: Sesc Belenzinho – Rua Padre Adelino, 1.000
    Entrada: R$ 6 comerciários; R$ 10 meia-entrada; R$ 20 inteira

POW POW POW! Criada no Morro do Preventório (Niterói­/RJ), a cantora apresenta hits do baile funk como “100% Feminista”, “Delação Premiada”, “Não Foi Cabral”, “Liga Pro Samu” e “Minha Vó Tá Maluca”. Carol tornou-se um símbolo feminista e da luta contra o racismo e ganhou o público ao coestrelar o reality show Lucky Ladies, na Fox Life, em 2015.

—–

  • Cátia de França
    Quando: 17 de março, às 21h
    Onde: Sesc Belenzinho – Rua Padre Adelino, 1.000
    Entrada: R$ 9 comerciários; R$ 15 meia-entrada; R$ 30 inteira

A compositora e trovadora revisita o álbum que a consagrou, “20 Palavras ao Redor do Sol” (1979). O repertório remonta, na íntegra e na ordem, as canções que ajudaram a transformar este disco em um clássico importante da raiz e psicodelia brasileira. A sonoridade alcançada no fim da década de 70 ganha vida no palco do Sesc Belenzinho, trazendo também a bagagem musical que Cátia acumulou ao longo de outros cinco discos lançados.

—–

  • Laura Wrona
    Quando: 18 de março, às 21h
    Onde: Sesc Belenzinho – Rua Padre Adelino, 1.000
    Entrada: R$ 6 comerciários; R$ 10 meia-entrada; R$ 20 inteira

Após quatro anos do lançamento do seu primeiro EP, “R.H. Volcano”, a cantora Laura Wrona aparece mais experimental e eletrônica em “Cosmocolmeia”, sua estreia em álbum. Produzido por Thiago Nassif e  coproduzido por Laura, o disco conta com participações de nomes como Edgard Scandurra, Juliana Perdigão e Guilherme Kastrup. Em “Cosmocolmeia”, Laura passeia por gêneros distintos, como o synthpop (Primeira Vez, Nuvens Anônimas), o rap (Autoclave) e faz dançar na versão remixada de Ocupado Tem Gente.

—–

  • Elza Soares
    Quando: 19 de março, às 16h
    Onde: Sesc Itaquera – Avenida Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1000
    Entrada Gratuita

Na ocasião a diva apresenta o maravilhoso “A Mulher do Fim do Mundo”, um dos mais aclamados trabalhos dos últimos anos, vencedor do Grammy Latino, eleito como um dos dez melhores discos do ano pelo The New York Times, vencedor dos principais prêmios musicais e técnicos de 2015 e 2016.

—–

  • Anna Tréa
    Quando: 24 de março, às 20h
    Onde: Sesc São Caetano – Rua Piauí, 554, Santa Paula – São Caetano do Sul
    Entrada Gratuita

Anna Trea apresenta o show “Clareia”, fruto do primeiro álbum da cantora e multi-instrumentista. O violão ritmado com acordes marcados se mistura ao virtuosismo e técnica lembrando às vezes um baixo elétrico ou mesmo instrumentos percussivos. Atrelada à essa musicalidade está sua expressão corporal, resultado da vivência de anos nos mais diversos tipos de danças e no teatro.

—–

  • Flora Matos
    Quando: 27 de março, às 19h
    Onde: Sesc Carmo – Rua do Carmo, 147
    Entrada: R$ 6 comerciários; R$ 10 meia-entrada; R$ 20 inteira

Flora Maia Matos, nascida em Brasília/DF, aos quatro anos já subia aos palcos da banda “Acarajazz”, acompanhando o compositor baiano Renato Matos, seu pai. Aos 17 anos, se apresentou como MC ao lado de DJ Brother e recebeu o prêmio de melhor cantora do ano em Brasília; hoje é representativa como MC mulher.

 

Créditos: Catraca Livre.

wpid-logo-clin-peq191 (1)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: